sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Everything Has Changed - Capítulo 64


Capítulo 64

-Elas não vão quebrar a sua guitarra – Demi disse se sentando no chão em frente a porta – agora é esperar.
-Se elas quebrarem eu nunca vou saber – Nick lamentou se referindo as paredes a prova de som, o grito de Miley foi a ultima coisas que eles ouviram pois a porta não estava totalmente fechada ainda – você vai me dar outra se algo acontecer.
-Fica tranquilo, Nicholas – Demi bufou – senta aí e relaxa.
Eles ficaram sentados no corredor jogando conversa fora e brincando um com o outro, enquanto dentro do estúdio Miley quase batia em Selena.
-Sério, sua cara de pau é maior do que eu imaginei – Miley cuspia as palavras – veio fazer o que no estúdio do MEU namorado? Já tava atrás dele de novo?
-Miley, eu – Selena tentou falar.
-Não é possível – Miley andava de um lado para o outro – você não se cansa? Não, ter a coragem de…
-CHEGA, MILEY, ME ESCUTA – Selena gritou e finalmente Miley parou de falar – a Demi me pediu pra vir aqui pegar um cabo emprestado, disse que os meninos não estariam aqui, que uma outra banda tava usando o estúdio deles.
-A Demi tá ficando louca, ela sabia que eles estavam aqui hoje – Miley disse um pouco envergonhada – pega logo o tal cabo e pode ir.
-Eu até iria, mas seu namorado fechou a porta e nos trancou aqui – Selena riu irônica.
-Puf – Miley desacreditou e girou a maçaneta – ai meu Deus, porque ele fez isso.
-Eu tenho uma teoria – Selena disse baixo – você vai me escutar ou vai me bater?
-Eu tenho outra escolha? – Miley rolou os olhos e se sentou, cruzou os braços e começou a bater freneticamente o pé no chão.
-Então – Selena ignorou a cena – eu comentei com a Demi que eu queria ter a chance de me desculpar com você e ela disse que iria dar um jeito, eu pedi pra ela deixar pra lá mas parece que ela E o Nick não deixaram, então…
-Diz logo o que você tem que dizer – Miley a interrompeu – antes que eu me arrependa.
Selena gelou, ela sempre quis ter a oportunidade de se desculpar, mas nunca ensaiou nada pra esse momento porque achou que ele não chegaria, ela respirou fundo e encarou Miley, emburrada e bufando, ela sorriu, Miley sempre fora assim, era a sua amiga ali.
-Bem, Miley, eu realmente era apaixonada pelo Nick…
-Não me diga – Miley interrompeu irônica.
-Enfim – Selena voltou a falar – mas eu nunca quis tirar ele de você, eu juro.
-Não, e beijou ele por que então?
-Sei lá, foi na hora – Selena se apressou pra explicar – ele tava tão mal por você, chorou no meu ombro e tal, daí quando ele levantou pra me agradecer ele tava perto e – ela se auto interrompeu – de qualquer forma, eu me arrependo de verdade, Miley, quando a gente se separou ele me olhou desesperado, ele te ama de verdade, ele me beijou pensando em você, tenho certeza disso, e eu não sinto mais nada por ele, na verdade, nem sei se o amei um dia.
-Como assim? – Miley perguntou ainda séria.
-Miley, ser como você, estar na Disney, conhecer um Jonas, tudo sempre foi um sonho de fã pra mim, eu não sei até onde era real e até onde era a paixonite da Selena anônima que só imaginava isso, entende? – Selena se explicou – o fato é que eu me senti muito mal depois de tudo, não imaginei que você iria remoer isso por tanto tempo, sei lá, eu esperava que um dia você me perdoasse, mesmo que nós não voltássemos a ser amigas, mas você nunca me deu a chance nem de pedir desculpas – ela suspirou – então é isso, eu me arrependi de verdade, o meu impulso fez mal a você, ao Nick e a mim também, mas acredita em mim, já passou, eu não sinto nada por ele, eu estou muito bem com o Justin e é isso, me desculpa, eu vou mandar uma mensagem para a Demi pra ela abrir a porta.
Selena pegou o celular e começou a digitar o texto quando Miley a interrompeu.
-Não, espera – ela disse envergonhada, Miley via nos olhos de Selena que ela tinha sido totalmente sincera – eu te desculpo e eu também tenho que pedir desculpas por guardar isso por tanto tempo, a gente cresceu e ele tá comigo, RÁ – Miley gritou e Selena riu – brincadeira, enfim, éramos crianças e já passou, tudo bem.
-Obrigada, Miley – Selena sorriu – um abraço?
-Não, também não exagera – Miley debochou e Selena fez uma careta, logo riram juntas e se abraçaram.
-Posso mandar a mensagem agora? Tá me dando claustrofobia – Selena debochou.
-Pode – Miley concordou – mas vamos fingir que a gente só piorou a nossa relação, pra eles se sentirem culpados.
-Você é má – Selena observou com um sorrisinho.
As gargalhadas de Demi e Nick foram interrompidas por um toque de celular.
“ME TIRA DAQUI ANTES QUE EU MATE ESSA VADIA, E EU NÃO TO BRINCANDO”
-Eita – Demi disse e deu um pulo pegando a chave da mão de Nick.
-SABE QUAL É O SEU PROBLEMA? – Miley gritava e gesticulava feito louca – VOCÊ QUER SER COMO EU, MAS VOCÊ NUNCA VAI CONSEGUIR, ELE É MEU.
-EU NÃO TO NEM AÍ PRA ELE, MILEY – Selena respondeu no mesmo tom – EU SUPEREI, E NEM ELE VAI AGUENTAR VOCÊ DAQUI A ALGUM TEMPO.
-EI, EI – Demi começou a gritar também – PAREM COM ISSO.
-Não adianta, Demi – Selena se acalmou um pouco – ela não escuta ninguém.
-Eu pensei que você fosse minha amiga – Miley se meteu e encarou Demi – mas me trancar com essa coisa foi uma prova de que você me odeia.
-Miley, pelo amor de Deus – Demi tentou dizer.
-Isso, defende ela – Miley a interrompeu.
-Eu não to defendendo ninguém – Demi tentou argumentar.
-Escolhe, Demetria – Selena disse séria – eu ou ela.
Demi ficou pálida, encarou Nick a procura de ajuda mas ele só balançou negativamente a cabeça, as meninas a encaravam com ódio nos olhos.
-Gente, desculpa, eu – Demi se apressou em dizer atropelando as palavras mas foi cortada pela risada estridente de Miley.
-Tirada de mestre pedir pra ela escolher – Miley sorriu pra Selena que ria junto – isso é pra vocês aprenderem a não trancar a gente por isso, somos adultas, podemos nos resolver conversando.
-Ah, claro – Demi ironizou – e não se resolveram antes por que?
-Não enche, Demi – Miley estreitou os olhos – enfim, está tudo certo, nós nos entendemos.
-Finalmente – Nick enfim disse algo e abraçou Miley soltando logo em seguida e indo abraçar Selena, mas Miley o puxou pela barra da calça – mas vamos com calma, ok?
-Sim senhora – Selena disse e trocou um sorriso com Nick – bem, eu tenho que ir, tenho um evento pra fazer agora, beijos.
-Tchau – um coro respondeu.
-MEU DEUS – Miley olhou a hora no celular – eu tenho que ir também – pegou sua bolsa desesperada.
-Pra onde, mulher? – Demi perguntou assustada.
-Para o set de filmagem, hoje a gente vai ler o roteiro com o elenco, eu esqueci completamente – ela guardou o celular na bolsa e saiu procurando a chave do carro na mesma – beijos amiga – abraçou Demi – te ligo mais tarde, amor – deu um beijo apaixonado em Nick e entrou no elevador.
-Eu acho que eu nunca vou conseguir acompanhar o ritmo dessa menina – Nick disse sorrindo.
-Nossa, Nick, esse sorrisinho apaixonado me irrita – Demi debochou.
-Que sorriso? – Nick perguntou voltando a ficar sério, mas os dois riram juntos.
Miley correu para o carro e dirigiu o mais rápido que pode até o local do ensaio, quando chegou, continuou correndo até bater em alguém com tudo e cair no chão.
-Droga – ela resmungou pondo a mão na cabeça.
-Você tá bem? – uma voz masculina perguntou.
-To, eu acho – ela recolheu as coisas que caíram no chão e o rapaz estendeu a mão para ajuda-la, ela mantinha a cabeça baixa e limpava a calça dando pequenos tapinhas – achei que tivesse batido em um poste – ela debochou e resolveu olhar para o rapaz – Liam?
-Você me conhece, Hannah Montana? – ele perguntou sorrindo.
-Digamos que o elenco todo teve que passar por mim para ser aprovado – ela frisou a palavra mim se mostrando superior.
-Obrigado pelo meu emprego então – ele riu e se virou – estamos atrasados, é melhor irmos andando.
Ela sorriu sozinha e o acompanhou até a sala de ensaio, no caminho mandou uma mensagem para Demi.
“o Liam é realmente um Deus, você TEM que conhece-lo”

Nenhum comentário:

Postar um comentário