sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Everything Has Changed - Capítulo 60


Capítulo 60

-Mudança de planos – Joseph disse abrindo a porta do carro e colocando-o na garagem.
-Mas a gente não ia sair? – Ashley perguntou confusa.
-Sim, mas eu resolvi ficar aqui em casa e assistir um filme, meu irmão está aí com a Miley, programinha de casal, sabe?
-E a gente vai atrapalhar eles? – Ashley suspirou – deixa eles lá, amor, e vamos sair.
-Não, tem outro casal lá – Joe controlou a raiva e tentou parecer natural – vai ser legal.
Ele não deu tempo pra ela responder, desceu do carro, abriu a porta pra ela e a puxou pela mão, eles entraram na sala, todos olharam pra eles menos Demi, que mexia no celular.
-Boa noite – Ashley disse sem graça quando percebeu que Demi estava ali.
-Boa noite – um coro respondeu, exceto Demi, que ainda estava distraída com o celular.
-Que educação, hein, Demetria – Joe disse e ela se livrou um pouco dos braços de Alex para encara-lo.
-Você nos obriga a parar o filme e eu que não sou educada? – ela riu e estreitou os olhos – senta logo porque eu quero terminar esse filme ainda hoje – Joe rolou os olhos e puxou Ashley para um pufe em frente ao sofá em que Demi estava, com a mesinha entre eles – adorei a jaqueta, Ashley – Demi disse sorrindo.
-Obrigada – ela agradeceu sem jeito.
Nick olhou assustado pra Miley e deu play no filme, todos se aconchegaram em seus lugares, Alex puxou Demi mais para si e ela o encarou.
-É um jogo, não é? – eles sorriram e ele beijou o topo da cabeça dela ninando-a em seus braços como um bebê.
Joe olhou  enciumado e puxou Ashley pela cintura, mas Demi não olhava pra eles, ela estava assistindo ao filme, as vezes comentava algo com Alex, as vezes mexia no celular, mas não olhava o casal, então Joe segurou Ashley mais perto.
-Que foi? – ela perguntou estranhando, mas ele mantinha seus olhos em Demi e Alex – esquece ela – pegou o rosto dele delicadamente e virou pra ela – eu to aqui.
Joe sorriu e depositou um beijinho na testa da namorada, o barulho do beijo chamou a atenção de Demi, que viu os dois se encarando, bufou e voltou a mexer no celular.
-O que você está fazendo com esse celular? – Ashley perguntou para Joe, vendo que ele pegara o aparelho e Demi também mexia no dela.
-Relaxa, vou apenas postar que eu estou em um ótimo programa com a minha namorada – ele riu e ela ficou olhando o que ele iria fazer.
Joe abriu seu twitter para postar o que estava fazendo, tuitou e quando voltou para a pagina inicial ele viu o tweet de Demi.
“Você está mal e a única pessoa que pode te fazer sorrir é a que te deixou assim.”
Ele suspirou pesadamente, como se sua culpa fosse sair desse jeito, e olhou pra Demi, por alguns segundos o olhar deles se encontraram, ele tentou sorrir mas ela desviou o olhar antes de vê-lo fazer isso, Joe sacudiu a cabeça tentando afastar os pensamentos e a vontade de tira-la dos braços de Alex e voltou a prestar a atenção no filme.
-Amei o filme – Miley disse sorrindo enquanto os créditos subiam na tela, na verdade, ela queria dizer: some, Joseph, pelo amor de Deus.
-Vamos ver outro – Joe disse sem entender o olhar mortal de Miley – um de terror agora.
-Joe – Nick chamou sério.
-Por mim tudo bem – Demi sorriu sínica – eu escolho.
Ela se livrou dos braços de Alex e escolheu o filme, antes de colocar no aparelho de DVD ela perguntou se a escolha era boa.
-É, pode ser esse – Joe disse com cara de tédio.
-Levanta e escolhe um melhor, Joseph – Demi revirou os olhos.
-Tenho coisa melhor pra fazer aqui – ele apontou pra Ashley.
-Então cala a boca – Demi cuspiu as palavras e voltou com passos pesados pra perto de Alex, ele tinha deitado no sofá, estava levantando para Demi se sentar quando ela o surpreendeu, deitando do lado dele, ele sorriu e segurou sua cintura, ficando deitado e abraçado a ela por trás.
Joe estreitou os olhos pra ela e ela sorriu, já que a nova posição a obrigava a olhar diretamente pra ele.
Durante o filme Miley e Ashley quase matavam Nick e Joe enforcados com tanto medo, Demi, que sempre amou filmes de terror, não esboçava nenhuma reação, pelo contrário, as vezes até ria.
-Não me conformo com isso – Alex reclamou, ele estava próximo ao ouvido dela, seu halito a fez arrepiar.
-Com o que? – Demi perguntou fraco.
-Você é muito fria – ele riu e a abraçou mais forte – os outros caras estão aproveitando porque as meninas pulam neles com filmes assim, já você, tá aqui dando risada.
-Isso é carência? – ela perguntou com um tom divertido, eles sussurravam.
-Pode ser.
Demi se virou pra ele, ficando de costas para a TV e para Joe, ela e Alex estavam extremamente próximos, eles se olhavam intensamente, as vezes o nariz dela esbarrava no dele, ele sorria feito bobo.
-Melhorou Senhor carente? – ela perguntou baixo.
-Quase – ele se aproximou para beijá-la.
-Demi – Joe chamou e ela se assustou.
-Que? – perguntou sem paciência, ainda de costas pra ele.
-Faz mais brigadeiro pra gente?
-Vai você fazer – ela disse irritada e sorriu – tenho coisa melhor pra fazer aqui – imitou o tom de voz dele.
-Mas o seu brigadeiro é melhor que o meu – ele disse.
-Até que o seu não é ruim – ela admitiu ainda de costas.
-Demi, por favor – Joe pediu.
-Vamos, eu te ajudo – Alex disse e Demi fez um biquinho enquanto se levantava contrariada.
Ela se virou para a cozinha e Alex a abraçou por trás, e eles foram juntos até lá.
-Não adiantou nada – Nick debochou do irmão, por sorte Ashley era burra demais e estava morrendo de medo do filme, não entendeu que Joe queria separar os dois.
Depois de alguns minutos, Demi e Alex voltaram para a sala com o prato na mão e as colheres, colocaram em cima da mesa de centro.
-Ah, obrigada, preciso me acalmar – Ashley disse pegando uma colher.
-CALMA, TÁ – Demi tentou alertar, mas ela pegou uma colher cheia da parte do meio do prato, a mais quente – quente – ela completou depois que a menina quase chorava com o brigadeiro quente dentro da boca.
Ashley correu para a cozinha, Demi voltou a deitar com Alex no sofá, todos seguravam o riso.
-Ela é sempre burrinha assim? – Miley não se aguentou e perguntou.
-Da um desconto, vai – Joe disse rindo e se jogou no pufe – Demi – ela apenas ergueu o olhar, ela estava de frente de novo – acho que você vai ter que fazer outro brigadeiro, a Ash abriu um rombo nesse.
-Vai se ferrar, Jonas – Demi se irritou com aquele comentário sem nexo, ele só queria chamar a atenção dela – pede para a Ash – ela debochou – se virar pra fazer outro.
-Senti uma pontinha de ciúmes – Joe provocou.
-Aham, estou me mordendo – ela ironizou, na verdade ela estava, mas não podia dar aquele gostinho para Joe, se virou e voltou a deitar de frente para Alex – vai ajudar a sua namorada, ela deve estar desesperada.
Joe ia se levantar quando Ashley apareceu na sala super sem graça.
-Ta melhor? – Joe perguntou forçando uma peocupação.
-Uhum, dê o play no filme – ela disse.
-Coitada, nem vai mais se assustar com o filme – Alex cochichou e Demi riu alto.
-Se alguém comer o brigadeiro , comece pela borda – Demi disse com um tom de deboche.
-Obrigada por avisar – Ashley devolveu com o mesmo tom.
-Disponha – Demi disse se mantendo de costas.
Ela não prestou a atenção no resto do filme, ficou conversando e rindo baixo com Alex, Joe estava se morrendo de ciúmes, a única vez que Demi olhou pra eles ele tentou beijar Ashley, mas ela reclamou que estava com a boca queimada, e isso só fez Demi rir alto.
Demi se levantou para ir no banheiro, Joe pegou o celular e ligou para o telefone fixo da casa.
-Eu atendo – ele pulou do pufe antes de Nick se levantar e correu para atender na cozinha, quando chegou lá – vou atender no meu quarto, é uma probleminha com o meu projeto solo -  desligou o telefone e correu para a porta do lavabo, quando Demi a abriu distraída, ele tapou a sua boca e a empurrou para dentro do banheiro.
-Tá maluco, Joseph? – ela perguntou assustada quando ele tirou a mão da boca dela.
-Você tava falando sério quando disse que ia me esquecer? – ele perguntou triste.
-C-claro – ela gaguejou um pouco sem perder a pose de durona – ainda não entendi o porquê disso aqui.
-Eu só queria ter certeza de uma coisinha – ele se aproximou encurralando ela na parede, se aproximou perigosamente para sentir o cheiro dela, Demi fechou os olhos por instinto, ele suspirou em sua nuca fazendo-a arrepiar, voltou a olha-la – abra os olhos, Demi, olhe para mim.
Ela abriu lentamente os olhos e ele se aproximou, ela estava completamente hipnotizada por ele, era sempre assim, ela tinha raiva por isso, pode senti-lo se aproximando, quando ele encostou no nariz no dela, seu celular a tirou do transe.
“tá na cara que o Joseph foi atrás de você, quer que a gente te salve ou está tudo sob controle?”
Era Miley, Demi encarou a mensagem e olhou novamente pra Joe.
-Por favor, para de me usar – ela sussurrou e saiu do banheiro com passos pesados, deixando-o completamente desnorteado pelo que acabara de fazer.

6 comentários:

  1. carambaaaaaaaaaa velho que capitulo perfeitoooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vou postar, aproveita que a fic já ta indo pra reta final (:

      Excluir
  2. faz um mini hot de jemi no banheiro por favorrrrrrrrrrrr

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu Deus, eu não sei escrever essas coisas! E a mente criativa daqui é a Larissa, vou ver com ela, qualquer coisa eu posto um bônus. Mas Acho difícil, a fic já ta terminada.

      Excluir
  3. ta perfeito postaaaaaaaaaaaaaaaa logooooooooooooooo

    ResponderExcluir