quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Everything Has Changed - Capítulo 17


Capítulo 17

Joe subiu a escada com passos pesados, Demi esperou um pouco para ir para o quarto, não queria encontrar com ele. Assim que colocou a cabeça no travesseiro Demi se lembrou do beijo deles, se lembrou de como se sentiu bem, e principalmente se lembrou que não havia pensado em Alex nem um segundo enquanto estava com Joseph, mas ela não podia, ele estava brincando com ela, pra ele era só diversão, Demi pensava.
No quarto ao lado Joe já chorava, ele achava que Demi nunca seria dele, que ela sempre seria de Alex, mesmo estando longe, ele pensou em correr atrás, em conquista-la, mas ele chegou a conclusão de que ela só seria feliz com Alex, então, ele não podia fazer nada, preferia sofrer mas ver Demi bem.
-Demi? – Nick bateu na porta duas vezes e Demi disse pra ele entrar – bom dia!
Estava cedo, e Demi tinha dormido muito mal, mas Nick queria saber como ela estava, queria saber como tinha sido o jantar, e queria simplesmente conversar com a sua amiga.
-Bom dia – Demi respondeu cansada, ela estava com o rosto inchado.
-Tá tudo bem? – Nick perguntou e Demi o encarou desanimada, lutando internamente para suas lágrimas não caírem de novo.
-Ele se foi – Demi lamentou.
-Como assim? – Nick se aproximou e afagou os cabelos de Demi com um sorriso acolhedor no rosto.
-Ele assinou contrato com uma agencia de Paris – Demi explicou – ele “terminou” mesmo comigo – Demi explicou a Nick o que havia acontecido.
-Calma, Demi – Nick a abraçou – eu estou aqui, relaxa, eu resolvo tudo, só com o meu abraço.
Eles riram, Nick se ajeitou na cama e achou um papel no meio do lençol.
-Wouldn’t change a thing? – Nick perguntou encarando a partitura, Demi se levantou tentando pegar o papel de volta, mas Nick a impediu – você também compõe?
-Não – Demi disse – quer dizer, mais ou menos – fez uma voz manhosa – me devolve, vai, é meio pessoal.
-Não, eu vou ler – Nick sorriu, Demi desistiu de fazer qualquer coisa, não adiantaria, apenas se sentou na cama e cruzou os braços – Demi isso é – Nick fez uma pausa – MUITO bom – ela sorriu.
-Sério? – Demi perguntou com medo, afinal, Nick entendia disso, e muito, ele escrevia a maioria das canções dos Jonas.
-Sim – ele respondeu maravilhado – você tem que gravar isso – ele voltou a atenção para a letra – “Nós somos perfeitamente imperfeitos, mas eu não mudaria nada”, Demi, pra quem você fez essa musica?
-Para, é – Demi gaguejou – pra ninguém, Nicholas, eu hein.
-Demi – Nick voltou a encara-la – para de TENTAR mentir pra mim – ele coçou o queixo – segundo suas próprias palavras, você e o Alex sempre se deram bem e foram perfeitos um para o outro – Demi congelou ao perceber que Nick havia chegado a resposta sozinho – Joe?!
-QUE? – Demi arfou – claro que não, Nick.
-Demi – Nick sorriu.
-Tá tão na cara assim? – Demi perguntou abaixando a cabeça.
-Pra mim, sempre esteve – ele disse se sentando perto dela – quer falar sobre isso?
-Não – Demi o encarou – quer dizer – ela sabia que precisava desabafar – ontem eu cheguei em casa mal pelo Alex, e ele estava na cozinha, me viu chorando, me consolou, foi um amor comigo, a gente se beijou de novo, ele me chamou de Dems – ela sorriu – mas depois ele voltou a ser o idiota de sempre, eu não entendo, eu acho que ele só quer brincar comigo.
-Caramba – Nick disse abismado – Demi, o Joe não quer brincar com você, quer dizer, eu conheço ele, ele é louco por você, desde que te viu pela primeira vez, o grande problema do idiota do meu irmão é medo – Demi fez uma cara confusa – Joe morre de medo de se apaixonar de verdade, ele nunca se prendeu a relacionamento nenhum, ele tem medo de se machucar, ou sei lá, dá um tempo pra ele, não fica tratando ele mal.
-Ele que me trata mal – ela respondeu com raiva.
-Ele faz isso pra chamar a sua atenção, Demi – Nick explicou – presta a atenção nos detalhes – ele sorriu – e nós vamos gravar essa musica.
-Não, Nick – Demi disse manhosa – não quero que pensem que eu usei os Jonas Brothers para realizar meu sonho, eu sei que consigo.
-É claro que você consegue – Nick disse – eu só quero gravar com você, ué, isso não vai para um cd dos Jonas, gravar só pela diversão de fazer música – Nick sorriu – chega a ser um pecado ter aquele estúdio, essa letra incrível e uma voz como a sua tudo perto e não utilizar isso.
-Ai, ai – Demi se rendeu, queria saber como ficaria aquela musica – vamos gravar, Jerry.
-Vai na frente, Demetria – eles trocaram um olhar mortal e saíram rindo do quarto.

Um comentário: